Câmara aprova em segunda votação denominação de rua do Residencial Alto do Taquaral como "Ana Maysa dos Santos Cogo Graciano"

Publicado por: Brunara Ascencio - Jornalismo Câmara Municipal

Publicado em: 12 de março de 2018

O Plenário do Legislativo aprovou, na sessão ordinária realizada na última segunda-feira (19), o Projeto de Lei nº 5.210/18, do vereador Roberto Melchiori, que denomina "Ana Maysa dos Santos Cogo Graciano" a rua 5 do Residencial Alto do Taquaral.

O edil contou parte da história de vida de sua homenageada, natural de Itápolis/SP, munícipe de Novo Horizonte desde criança, filha de Alberto Cogo e Haydee Egidio dos Santos Cogo, esposa de Alcides Romero Graciano e mãe de Giovanni Cogo Graciano e Isabella Cogo Graciano.

"Maysa, como era chamada por todos, era fonoaudióloga formada pela Universidade do Sagrado Coração de Jesus de Bauru; cofundadora da Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul, filiada à Loja Maçônica União de Novo Horizonte, sendo sua primeira presidente; além de, juntamente com grupo de pais, fundar a Cooperativa Educacional de Novo Horizonte – Coopen", observou.

Conforme o vereador, sua homenageada assumiu o cargo de Diretora Municipal de Assistência Social na gestão 2009/2012 e nesta época foi idealizadora e fundou, junto com a comunidade do jardim Esplanada, o Projeto do Lado de Lá no ano de 2010.  

"Infelizmente, Maysa nos deixou no dia 27 de junho de 2016, tendo deixado no coração de quem a conheceu exemplo de vida e dedicação. Ela deixou uma linda lição de vida, foi sem dúvida um exemplo de esposa, mãe e amiga, sempre demonstrando lealdade aos amigos e o amor à família, com certeza deixou muita saudade e ajudou a fazer a diferença por um mundo melhor", salientou.

Roberto destacou que sua propositura visa homenagear Ana Maysa dos Santos Cogo Graciano, ilustre cidadã, que escreveu sua historia, fazendo parte do progresso de Novo Horizonte, deixando um legado de amor e felicidade aos seus familiares que a amam e a guardam na memória como um exemplo a ser seguido.

 

 

**********

Tramitação

- A matéria foi aprovada em primeira votação por unanimidade na sessão de 19 de fevereiro;

- Nesta sessão, a proposta foi aprovada em segunda votação por unanimidade e segue para o Executivo;

- Para acessar a íntegra do Projeto de Lei e detalhes de sua tramitação e votação, clique aqui.



Cadastre-se e receba notícias em seu email