Projeto Câmara Visita esteve no Centro de Atenção Psicossocial

Publicado por: Brunara Ascencio - Jornalismo Câmara Municipal

Publicado em: 04 de junho de 2018

Os vereadores Nelson Luiz Benevenuto (Nelsinho Luiz), Cleber da Rosa Moreira (Cléber Gaúcho) e Douglas Alex Pedro (Locutor Douglas Alex), acompanhados de servidoras da Câmara, fizeram uma visita, na última quarta-feira (30), ao Centro de Atenção Psicossocial (Caps).

Os edis foram recebidos por funcionários do Centro, que tem o objetivo de dar assistência especializada às pessoas portadoras de transtorno mental, promovendo a volta à vida comunitária, devolvendo-lhes a dignidade, a cidadania e a própria identidade.

Para o atendimento, o Caps conta com uma equipe multidisciplinar formada por terapeuta ocupacional, psicólogas, assistente social, enfermeira, psiquiatra, além de também contar com agente administrativo, motorista e serviços gerais.

Segundo os funcionários, o Centro realiza 400 atendimentos por mês, oferecendo oficinas terapêuticas, orientação familiar, visitas domiciliares, acompanhamento psicológico, atendimento psiquiátrico, controle de medicação, entre outros.

O Caps, conforme os funcionários, tem o papel de prevenir as internações que, segundo eles, têm diminuído, pois estão conseguindo trabalhar em conjunto e dando outras alternativas de tratamento, no entanto, quando a internação é necessária também fazem o acompanhamento e, após a alta, trabalham para a reinserção desse munícipe na sociedade.

Apesar de ter o nome de "Caps", em Novo Horizonte, de acordo com os funcionários, o local é um ambulatório de saúde mental, pois ainda não conseguiram o credenciamento junto ao governo do estado, inclusive para recebimento de verba para manutenção, que, atualmente, é feito com recursos próprios da Secretaria Municipal de Saúde. Para que o credenciamento ocorra e uma verba de aproximadamente R$ 25 mil mensal seja destinada ao Caps, segundo os funcionários, a Prefeitura precisa encontrar um prédio adequado para abrigar o Centro, o que ainda não ocorreu.

No final da visita, os vereadores puderam conhecer alguns munícipes que estavam sendo atendidos em grupo, realizando uma oficina terapêutica, agradeceram aos funcionários por todas as informações passadas, pelo trabalho realizado e toda a atenção durante a visita.

Os edis também disseram que vão buscar informações junto à Prefeitura para que o credenciamento do órgão seja realizado com urgência, além de tentarem conseguir junto a deputados estaduais e federais verba para compra de um veículo para transporte dos pacientes.



Cadastre-se e receba notícias em seu email